NOSSA PÁGINA

domingo, 11 de abril de 2010

Coruja-da-igreja (Tyto furcata); Fauna do Rio Grande do Norte.


O registro fotográfico acima foi feito num tanque na parte superior do Museu Nilo Pereira,localizado no município de Ceará-mirim,Rio Grande do Norte. Eu e outros colegas do Grupo Onça-Pintada fomos visitar o Museu Nilo Pereira,e quando chegamos na parte superior do prédio, havia uma pequena porta que dava acesso a um quarto,pedimos para entrar e lá havia um tanque. Olhamos para o tanque escuro e percebemos que havia algo ali,quando fotografamos,vimos que se tratava dessa bela ave cuidando de seus ovos.
Essa coruja é conhecida como Suindara(Tyto furcata),pertence a ordem Strigiformes e a família Tytonidae. Alcança o comprimento de 40cm. São corujas delgadas,de asas grandes,cauda curta,pernas cumpridas e fortes,sem pernas. A região em volta dos olhos é escura,orlada de uma coroa de plumas brancas,como uma máscara em forma de coração. Vivem,solitariamente,em campos abertos e,durante o dia,escondem-se para dormir em emaranhados de cipós,em grutas ou em construções. Alimentam-se de muitos tipos de animais,principalmente de filhotes,mas também gostam de ovos. A construção dos ninhos,é feita em lugares altos podendo ser em ocos de árvores,buracos em barrancos ou grutas. Utilizam os seus próprios excrementos que se fixam e secam no lugar escolhido,moldando uma concavidade leve,onde são postos até 4 ovos brancos. A incubação é feita pela fêmea e os filhotes permanecem no ninho durante quase 2 meses;após esse tempo saem em vôos,noturnos mas voltam para o abrigo,por bastante tempo. Reflita: Não mate,compre ou aprisione aves silvestres sem autorização! é crime!
BIBLIOGRAFIA:

Freire, Adauberto Antônio Valera. Fauna Potiguar. Natal: EDUFRN, 1997
 Freire, A. A. 1999. Lista Atualizada de Aves do Estado do Rio Grande do Norte. Natal: Instituto de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente do Rio Grande doNorte-IDEMA. 
 Nicéia wendel de Magalhães. Conheça o Pantanal. Terragraph, 1992.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário