NOSSA PÁGINA

domingo, 23 de maio de 2010

Mussum(Synbranchus marmoratus Bloch, 1795); Fauna do Rio Grande do Norte.


Peixe encontrado em nossos rios,lagos e açudes. Gostam de águas paradas e barrentas,onde se ocultam entre raízes e o lodo do fundo. Sai à noite para procurar alimento ,nadando perto das margens. Alimenta-se principalmente de pequenos peixes,vermes e insetos. O Mussum é um peixe de corpo cilíndrico e alongado,coberto por pele nua,extremamente lisa à secreção de muco. Apresenta uma prega adiposa que funciona como nadadeira ,começando na região posterior do dorso,contornando a extremidade caudal tornando-se quase imperceptível na parte inferior do corpo. Têm um só abertura branquial e não têm opérculo. A boca é grande,provida de dentes. A coloração é cinzenta escura,mais clara na região ventral. São ovíparos desovando em buracos abertos na lama e os ovos são em número bem inferior a maioria dos peixes.

Podem alcançar 1m de comprimento e 3cm de diâmetro. O Mussum é da família Symbranchidae. O gênero Synbranchus é endêmico da América Central e do Sul, com três espécies atualmente válidas: S. marmoratus Bloch, 1795, S. madeirae (Rosen & Greenwood, 1976) e S. lampreia Favorito, Zanata & Assumpção, 2005. Estudos recentes desenvolvidos por Tyson Roberts sugerem a existência de várias espécies nesse complexo.
No Brasil a espécie Synbranchus marmoratus é o mussum mais comum e mais conhecido,sendo bastante comum em todas as bacias hidrográficas, principalmente Bacia Amazônica, Araguaia, Paraguai, Paraná, São Francisco e Uruguai.

Duas receitas básicas com Mussum da minha mãe: 1-“Pega o mussum raspa ele na água quente, depois abre ele lava-o e tira as vísceras salga e deixa por uns quinze minutos para absorve o sal. Assa-o levemente na brasa (se quiser), após assado tira-o. Se pega uma panela com leite de coco bem forte, colarau, quento e cebola ai põem pra ferver e depois coloca o mussum dentro pra ferver pouco tempo. Estar pronto!”2-“Pega o mussum raspa ele na água quente, depois abre ele lava-o e tira as vísceras salga e frita no óleo.”

BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

Magalhães, Nicéia Wendel. Conheça o Pantanal. São Paulo. Terragraph,1992.

Synbranchidae. Disponível em:http://www.wikipeixes.com.br/familias:synbranchidae Acesso em: 23 de maio de 2010.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 comentários:

  1. peguamos esse peixe em um açude no interior de papanduva sc gostaria de saber se esse peixe e comestivel e se ele tem veneno

    ResponderExcluir
  2. Olá senhor Renan,fico feliz com sua participação nesse blog. quanto a sua pergunta, não encontrei na literatura se ele apresenta glândulas de veneno,então ele não é um peixe venenoso, a não ser que o senhor seja alérgico alguma substância desse peixe. a outra pergunta, ele é comestível, eu mesmo comi muito na infância! duas receitas básicas da minha mãe:1-“Pegue o mussum raspa ele na água quente, depois abre ele lava-o e tira as vísceras salga e deixa por uns quinze minutos para absorve o sal. Assa-o levemente na brasa(se quiser), após assado tira-o. Pega-se uma panela com leite de coco bem forte,colarau, quento e cebola ai põem pra ferver e depois coloca o mussum dentro pra ferver pouco tempo. Estar pronto! ”2-“Pega o mussum raspa ele na água quente, depois abre ele lava-o e tira as vísceras salga e frita no óleo.”
    Votos de Paz, Saúde e Sucesso para o senhor e família! Atenciosamente
    Francisco V. de Souza, Graduando em Ciências Biológicas.

    ResponderExcluir
  3. muito obrigado!
    me ajudou muito
    mas esse peixe ocorre em todo o brasil ou só em algumas localidades?

    ResponderExcluir
  4. O gênero Synbranchus é endêmico da América Central e do Sul, com três espécies atualmente válidas: S. marmoratus Bloch, 1795, S. madeirae (Rosen & Greenwood, 1976) e S. lampreia Favorito, Zanata & Assumpção, 2005. Estudos recentes desenvolvidos por Tyson Roberts sugerem a existência de várias espécies nesse complexo.
    No Brasil a espécie Synbranchus marmoratus é o muçum mais comum e mais conhecido,sendo bastante comum em todas as bacias hidrográficas, principalmente Bacia Amazônica, Araguaia, Paraguai, Paraná, São Francisco e Uruguai.

    ResponderExcluir
  5. achei curioso esse animal porque limpamos ele e depois arranquemos a cabeça fora
    ponhei o dedo dentro da boca desse bicho e ele nao tinha dente mas mesmo com a cabeça fora do corpo ele me mordeu e isso é caracteristico de cobra nao é

    ResponderExcluir
  6. desculpa o erro esse peixe tem dente estive reparando

    ResponderExcluir
  7. Bom dia , sou maycon e gostaria de saber mais do muçum pois tenho dois aqui em minha casa a mais de 3 , 4 anos e gostaria de saber o sexo de cada um e vivem separados , por eesse motivo vim procurar saber , porque se for um casal quero que criem , obrigado, aguardando respostas

    ResponderExcluir