NOSSA PÁGINA

domingo, 18 de janeiro de 2015

Aranha papa mosca Menemerus bivittatus (Dufour, 1831); Fauna do RN

   Aranha conhecida popularmente como Aranha papa-mosca,Aranha saltadora,Saltadora cinzenta-de-parede, entretanto seu nome científico é Menemerus bivittatus (Dufour, 1831). Essa espécie pertence a família Salticidae, na qual fazem parte a maioria das aranhas registradas até hoje, tendo sido descrita até agora mais de 5.000 espécies. Aranhas desse táxon são caçadoras ativas(cursórias) principalmente durante o dia(diurnas),apresentam corpo robusto,são peludas,saltadoras que quase nunca tecem teia, por isso dependem muito da visão, o que fez com que desenvolvessem ao longo do tempo grandes olhos frontais. Algumas espécies dessa família são comuns em residências, podendo serem observadas nas paredes durante o dia, principalmente caçando moscas, daí derivou seu nome popular papa-moscas, mais vamos ver que nem só de moscas é feito o cardápio dessas aranhas.
   A Aranha papa mosca(Menemerus bivittatus) tem o corpo achatado dorsoventralmente,coberta por pelos densos predominantemente branco-acinzentado, ocorrendo também pelos castanhos escuros perto dos olhos. Existe dimorfismo sexual, tendo a fêmea o dorso acinzentado, apresentando uma faixa(listra) branca fina lateralmente no cefalotórax e uma faixa contínua preta mais espessa que começa próximo aos olhos no cefalotórax e estende-se de cada lado até o final do abdômen onde se unem; enquanto que o macho apresenta uma faixa dorsal longitudinal enegrecida com uma listra acastanhado branco em ambos os lados do abdômen; as fêmeas são maiores, indivíduos adultos alcançam de 8 a 10 mm de comprimento, enquanto que machos adultos podem chegar a 9 mm de comprimento. As Aranhas imaturas são muito semelhantes às fêmeas adultas.
   Os machos da espécie possuir um aparelho estridulatório que consiste em várias cerdas longas no fémur palpal e uma série de nervuras horizontais no lado exterior das quelíceras. O som é gerado quando a aranha esfrega estas de cima para baixo contra os fêmures palpares. Acredita-se que esse comportamento faça parte do ritual de corte realizado pelo macho. 
   O período reprodutivo ocorre do outono a primavera. A fêmea constrói um saco de ovos branco em uma fenda ou em outro local escondido no qual ela deposita de 25 a a 40 ovos. Após três semanas os filhotes nascidos começam a se dispersar.
   Alimenta-se principalmente de pequenas moscas e mosquitos encontradas no interior das casas,contribuindo para o controle da população de moscas e mosquitos encontradas nas habitações humanas. Ela não constroem uma teia, mas em vez disso,espreita e persegue a presa até ela estar próximo o suficiente, saltando em seguida sobre a vítima.
   Ela têm alta acuidade visual e seus grandes olhos são capazes de focar objetos e detectar cores diferentes. Usa sua capacidade altamente coordenada saltando para capturar suas presas e para se deslocar de um lugar para outro. É capaz de capturar insetos, tais como abelhas e moscas grandes que são pelo menos duas vezes o seu próprio tamanho.
   Menemerus bivittatus apresenta distribuição cosmopolita sendo comum na maioria das regiões tropicais. É encontrada na Flórida, Texas e Califórnia e sul do Paraguai e no Brasil.
Os registros fotográficos desse post foram feitos no portão de uma residência em Parnamirim. Elas não capturam apenas moscas, como sugere seu principal nome popular(Papa-moscas). Já observei ela matando uma abelha e até outra aranha. Também já vi ela escapando por pouco de um predador, era uma briba que ainda chegou a persegui-la na parede, mas ela rapidamente num salto escapou. É uma espécie de aranha da família Salticidae bastante comum no interior das casas.

Referências

Aranha saltadora Menemerus bivittatus. Disponível em: http://entnemdept.ufl.edu/creatures/misc/jumping_spiders.htm Acesso em 18 de janeiro de 2015.

Terra M. 1972. Mecanismos de orientação e reconhecimento de padrões por aranhas saltadoras (Salticidae). Páginas 231-247 no processamento da informação no sistema visual de artrópodes, R. Wehner, ed. Berlim, Springer-Verlag.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário