NOSSA PÁGINA

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Cebola-brava Habranthus cf. itaobinus

   Planta conhecida popularmente como Cebola-brava, mas que pertence ao gênero Habranthus, sendo muito provavelmente da espécie Habranthus itaobinus
   Sendo esta uma erva bulbosa que só ocorre no Brasil, ou seja, é endêmica desse país. Pertence a família Amaryllidaceae. H. itaobinus alcança aproximadamente 25 cm de altura, apresenta folhas em forma de espada e flores predominantemente de cor rosa-claro em número de 6 tépalas. Floresce no início do período chuvoso, geralmente entre os meses de setembro e janeiro, quando brotam do bulbo belíssimas flores. Algumas espécies da família Amaryllidaceae são cultivas como plantas ornamentais em diferentes regiões do planeta devido a beleza de suas flores.


   Ocorre em solos arenosos, areno-argilosos e afloramento de calcário, a 200–1000 m de altitude, sendo frequentemente encontrada na Caatinga, mas também há registros da espécie em áreas do Cerrado, em campo rupestre, campos e brejos temporários. Existem registros de ocorrência de H. itaobinus para os estado da Bahia, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais,Pernambuco e muito provavelmente para o Rio Grande do Norte. O exemplar das fotos acima foi registrado em afloramento rochoso as margens do rio Seridó, no município de Jardim do Seridó, Rio Grande do Norte.

Referências

Andrielle Câmara Amaral-Lopes e Taciana Barbosa Cavalcanti. Habranthus (Amaryllidaceae) do Brasil. Rodriguésia vol.66 no.1 Rio de Janeiro Jan./Mar. 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S2175-78602015000100203&script=sci_arttext
Acesso em 11 de janeiro de 2016. 

Castro, Antonio Sérgio e Arnóbio Cavalcante. Flores da caatinga. Campina Grande: Instituto
Nacional do Semiárido, 2010.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário