NOSSA PÁGINA

domingo, 19 de setembro de 2010

Lacraia(Scolopendra viridicornis Newport, 1844.); Fauna do RN.















   A espécie da foto é conhecida popularmente como Lacraia ou Centopéia e cientificamente como Scolopendra viridicornis. Essa espécie de Lacraia ocorre no estado do Rio Grande do Norte. Possue corpo quitinoso dividido em cabeça e tronco articulado achatado, filiforme ou redondo, permitindo fácil locomoção. As lacraias apresentam um par de pernas em cada segmento do tronco, sendo esta uma importante característica para diferenciá-las dos piolhos de cobra ou Embuás (Diplopodos), que possuem dois pares de pernas nos segmentos do tronco.
   Essa espécie apresenta 21 pares de pernas,sendo o primeiro par modificado em grandes garras de veneno(chamadas de forcípulas ou maxilípedes) e mantidas sob a cabeça(vê foto),como peças bucais. É importante saber que, a picada até mesmo da mais perigosa Lacraia não é fatal para humanos,mas o veneno pode causar uma reação semelhante àquela que se segue a uma picada de vespa(‘’maribondos’’) ou escorpião. Mas para as presas(alimentação) dessa espécie, como pequenos invertebrados(vermes,insetos e outros artrópodes) e até alguns vertebrados,como sapos,lagartos e camundongos o veneno é muito efetivo.
   É interessante observar que o último par de pernas da Lacraia é bem grande, e estende-se para trás não sendo utilizado para a locomoção,mas podendo ser usada talvez para segurar uma possível presa. As lacraias estão distribuídas por todo o mundo em regiões temperadas e tropicais. Os esconderijos proporcionam proteção não apenas contra possíveis predadores, mas também contra a desidratação.      
    De hábitos noturnos, saem à procura de alimento ou de novas moradias, alojando-se sob pedras, cascas de árvores, folhas no solo e troncos em decomposição, ou constroem um sistema de galerias, contendo uma câmara onde o animal se esconde. Apresentam também hábitos peridomiciliares e domiciliares, sendo encontradas em: hortas, canteiros de jardins, vasos, entulhos, sob tijolos ou qualquer compartimento da moradia onde coexistam ausência de luz solar e presença de umidade.

CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:
Reino:Animalia; Superfilo:Arthropoda; Filo:Uniramia ; Superclasse:Miriapoda; Classe: Chilopoda; Subclasse:Epimorpha; Ordem: Scolopendromorpha; Família:Scolopendridae; Gênero: Scolopendra ; 
Espécie: Scoloprendra viridis.


REFERÊNCIAS:
Freire, Adauberto Antônio Valera. Fauna Potiguar. Natal: EDUFRN, 1997.

Neto,Miguel Rocha. Guia ilustrado:fauna da escola das dunas de pitangui-ecossistemas terrestre. Natal: moura ramos,2001.

CANTER, H.M.; KNYSAK,I.; Candido, D.M. Aranhas e escorpiões e lacraias. 2008. Artigo em Hypertexto. Disponível em:> <http://www.infobibos.com/Artigos/2008_1/MD4/index.htm>.< Acesso em: 18/9/20102/7/2010.

BRUSCA, R. C; BRUSCA, G. J. Invertebrados. Editora Guanabara Koogan. RJ. 2007. Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 comentários:

  1. Muito bom o blog me ajudou bastante. Parabens!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dalton!
      Fico feliz em saber que o blog foi útil para você.
      Sucesso!!!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Olá Ivo.
      Fico feliz em saber que você gostou do blog.
      Sucesso!!!

      Excluir