NOSSA PÁGINA

sexta-feira, 5 de março de 2010

Louva-a-deus;Ordem Mantodea; Fauna do Rio Grande do Norte.







A primeira fotografia foi tirada na zona urbana do município de Martins,Rio Grande do Norte. Enquanto que as outras três fotos foram tiradas na RPPN Mata da Estrela em Baía Formosa,Rio Grande do Norte. A espécie de louva-a-deus-verde foi vista à noite,inerte sobre os espinhos do facheiro,esperando passar um presa distraída prá ele captura-la. A outra espécie foi vista duas vezes durante o dia,na serrapilheira da trilha do pagão na mesma Reserva. Com exceção da primeira espécie as outras duas são fáceis de serem vistas na natureza. Curiosamente "O louva-a-deus é o único inseto que dirige o seu olhar."Leon Bertin.
ALGUMAS INFORMAÇÕES SOBRE O LOUVA-A-DEUS(ORDEM :MANTODEA): Existem cerca de 2.000 espécies de louva-a-deus no mundo. No Brasil ele era conhecido sob o nome de gaayara. As patas dianteiras sempre juntas,joelhos dobrados e olhos levantados para o céu,lembrando um devoto,daí o nome louva-a-deus. Inseto da ordem dos mantídeos,as espécies maiores existentes no Brasil,são as do gênero Stagmatoptera e Zoolea. As menores são dos gêneros,Chaeteesa e Mantoidea,têm um pouco mais de um centímetro. são animais carnívoros e especialistas em camuflagem. Disfarçados entre as folhagem,aguarda com as patas dianteiras qualquer presa que passe por ali. sua cabeça se move num ângulo de até 180ºgraus,atento a todos os movimentos. As duas patas dianteiras são peritas para golpear. O louva-a-deus pode ficar imóvel várias horas à espera de um a presa desatenta. Algumas fêmeas cortam a cabeça do macho no momento do acasalamento. Às vezes espera e devora-o em seguida. Mas só faz isso se estiver zangada. Quando nascem,os filhotes fingem ser formigas para afugentar predadores. Ao terminar de comer,o louva-a-deus limpa os espinhos da perna,preparando-se para a próxima caçada. De cada ovo podem nascer 200 a 400 filhotes. Esfomeados,começam a caçar assim que nascem. A fome é tão grande que comem uns aos outros. Preserve a natureza!
REFERÊNCIAS:
Lemos,Francisco. Natureza Viva. Casa Publicadora Brasileira,2001.
Costa Lima,Insetos do Brasil. 1º tomo. Escola Nacional Agronomia Série Didática. nº2- 1938.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário