NOSSA PÁGINA

domingo, 28 de fevereiro de 2010

Raposinha-do-mato(Cerdocyon thous); Fauna do Rio Grande do Norte.




Não registrei ainda essa espécie no seu habitat ,mas já vi muitas pegadas em trilhas, e meu irmão viu recentemente uma fêmea com 4 filhotes em mata no município de Monte Alegre, no Rio Grande do Norte. Um colega também viu recente muitos indivíduos mortos na BR-304 que dar acesso ao município de Carnaúba dos Dantas no RN.
ALGUMAS INFORMAÇÕES SOBRE A RAPOSINHA-DO-MATO(Cerdocyon thous):
Popularmente conhecida como raposinha-do-mato,graxaim,graxaim-do-mato,lobinho,essa espécie é encontrada nos biomas Mata Atlântica,Caatinga,Cerrado,Campos Sulinos,Pantanal,utilizando bordas de matas e áreas alteradas e habitadas pelo homem.
A raposinha-do-mato estar presente em quase toda a América do sul,desde o Uruguai e norte da Argentina,até terras baixas da Bolívia,Venezuela,Colômbia,Guianas,Suriname e Brasil. O comprimento do corpo varia de 60cm a 70cm e cauda mede aproximadamente 30cm. Indivíduos adultos pesam entre 3,7kg a 11,1kg. A pelagem varia do cinzento ao castanho,com faixas de pelos preto da nuca até a ponta da cauda,e o peito e o ventre são claro. Possui hábitos noturno e crepuscular. É comum encontrá-la buscando seu alimento sozinha,mas podem ocorrer aos pares ou em pequenos grupos familiares em busca de suas presas. É uma espécie onívora,ou seja,tem uma alimentação variada,comendo desde frutos,insetos,crustáceos,peixes,pequenos vertebrados,além de carniça. A fêmea tem duas ninhadas por ano,a cada sete ou oito meses. O período de gestação é de cerca de 2 meses,nascendo de 3 a 6 filhotes. A independência dos filhotes ocorre entre o quinto e sexto mês de vida e a maturidade sexual é alcançada com cerca de 9 meses de idade. Evite contato com esses animais pois podem transmitir a raiva. Preserve a natureza!
CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:
REINO:Animalia
FILO:Chordata
CLASSE:Mammalia
ORDEM:Carnívora
FAMÍLIA:Canidae
GÊNERO:Cerdocyon
ESPÉCIE: Cerdocyon thous Linnaeus,1766


BIBLIOGRAFIA:

Freire, Adauberto Antônio Valera. Fauna Potiguar. Natal: EDUFRN, 1997
                             
Neto, Miguel Rocha. Guia ilustrado: fauna da escola das dunas de Pitangui-ecossistemas terrestre. Natal: moura ramos, 2001.

REIS, dos R. R.; PERACCHI, A. L.; PEDRO, W. A.; LIMA, de I. P. Mamíferos do Brasil – Londrina, 2006. 
AUTOR DA FOTO:JUAREZ SILVA.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Pau-brasil(Paubrasilia echinata)

ALGUMAS INFORMAÇÕES SOBRE O PAU-BRASIL(Paubrasilia echinata):
Considerada árvore símbolo nacional,o Pau-brasil(P. echinata) é de origem brasileira e ocorre na Mata pluvial Atlântica desde o Ceará até o Rio de Janeiro. É uma planta espinhenta que alcança cerca de 12m de altura. Seu crescimento é considerado lento. Apresenta flores amarelas na primavera. A sua propagação se dá através de sementes. As vagens,que dão as sementes,só aparecem 25 anos após o plantio.















Os botões amarelos florescem entre outubro e dezembro. Durante os séculos XVI e XVII,a árvore que deu nome ao nosso país foi sendo retiradas em quantidade cada vez maiores. Portugueses,Franceses,Espanhóis e Holandeses desembarcaram no litoral brasileiro para encher seus navios com a madeira do pau-brasil.
   Usado no passado pra fazer corante e para construção de navios,o pau-brasil praticamente desapareceu das florestas. Calcula-se que 70 milhões de exemplares desta árvores foram carregadas para a Europa. Hoje,o pau-brasil é muito usado para reflorestar áreas onde antes eles eram abundantes ,e também como planta ornamental. A madeira atualmente é empregada somente para confecção de arcos de violino.
CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:
REINO:Plantae
DIVISÃO:Magnoliophyta
CLASSE:Magnoliopsida
ORDEM:Fabales
FAMÍLIA:Fabaceae
GÊNERO: Paubrasilia
ESPÉCIE: Paubrasilia echinata Lam.

BILIOGRAFIA:

Lorenzi,Harri,Árvores brasileiras:manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas do Brasil,vol.1.4-ed.-Nova Odessa,SP:Instituto Plantarum,2002.
Renato Braga.Plantas do nordeste,especialmente do Ceará. Fortaleza:coleção mossoroense-volume XLII,1996.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Gato-do-mato-pequeno(Leopardus tigrinus); Fauna do Rio Grande do Norte.




Infelizmente não vi ainda essa preciosidade na natureza. Apenas suas pegadas na areia. Há registro dessa espécie no estado do Rio Grande do Norte. Como os felinos são animais territorialistas,precisam de uma grande área para caçar,estar ameaçado principalmente pela destruição do habitat,caça ilegal para o comércio de pele e atropelamento.
INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE O GATO-DO-MATO-PEQUENO(Leopardus tigrinus):Conhecidos como gato-do-mato-pequeno,gato-maracajá ou maracajá-mirim, a espécie Leopardus tigrinus é o menor felino brasileiro,atingindo até 85cm,geralmente é do tamanho de um gato doméstico. Pesa de 1,5kg até 3,5kg. As patas são pequenas e proporcionais ao corpo,a coloração ocorre em tonalidades de amarelo e castanho,sendo a existência de indivíduos melânicos relativamente comum. Apresentam rosetas pelo corpo,geralmente pequenas e abertas. O período de gestação é de 73 a 78 dias,nascendo de 1 a 4 filhotes. São encontrados da Costa Rica ao norte da Argentina e em todo o Brasil. Vivem em todos os biomas brasileiros(Mata Atlântica,Amazônia,Caatinga,Cerrado,Pantanal e Campos sulinos). São solitários e de hábitos noturnos. Carnívoros que se alimentam principalmente de aves e roedores mas também comem lagartos. Reflita: é um animal que estar na lista de animais ameaçados de extinção do Brasil.
CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:
REINO:Animalia
FILO:Chordata
CLASSE:Mammalia
ORDEM:Carnívora
FAMÍLIA:Felidae
GÊNERO:Leopardus
ESPÉCIE:Leopardus tigrinus (Schreber,1775).

BIBLIOGRAFIA:
REIS, dos R. R.; PERACCHI, A. L.; PEDRO, W. A.; LIMA, de I. P. Mamíferos do Brasil – Londrina, 2006.
Freire, Adauberto Antônio Valera. Fauna Potiguar. Natal: EDUFRN, 1997
FOTOS DO GOOGLE IMAGENS,NÃO ENCONTREI OS AUTORES.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Cobra de cipó Leptophis ahaetulla (Linnaeus,1758); Fauna do Rio Grande do Norte.

Em excursão a RPPN Mata Estrela esse ano, fotografei essa belíssima serpente. Ela estava na vegetação lateral da trilha do pagão camuflada,mas conseguimos vê-la e fotografá-la.

INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE A COBRA-DE-CIPÓ(Leptophis ahaetulla):
   Popularmente conhecida como cobra-de-cipó,azulão bóia ou cobra-verde(não confundir com a espécie Philodryas olfersi),essa espécie alcança no máximo 1,80m de comprimento. Reflita: não são peçonhentas,portanto sua dentição é do tipo áglifa,que quer dizer,que não tem dente especializado para inocular veneno. São encontradas em todos os biomas brasileiros(Mata Atlântica,Amazônia,Caatinga,Cerrado,Pantanal). Serpente subarborícola,sendo ativas durante o dia. Sua alimentação é variada,desde filhotes de aves,ovos,lagartos,roedores,marsupiais até anuros(sapos,rãs e pererecas). Quanto a reprodução são ovíparas,botando de 6 a 12 ovos a cada postura. Quando se sente ameaçada pode fugir;ficar apoiada na cauda,de frente para a ameaça;escancarar a boca;dar golpes com a cabeça e morder.













CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:
REINO:Animalia
FILO:Chordata
CLASSE:Reptilia
ORDEM:Squamata
FAMÍLIA:Colubridae
GÊNERO:Leptophis
ESPÉCIE:Leptophis ahaetulla

REFERÊNCIA:

Leptophis ahaetulla. Disponível em:> get-id.com.br/Animais/Serpentes/ListaEspecies.aspx <: 21="" acesso="" div="" em:="">

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Guaxinim(Procyon cancrivorus); Fauna do Rio Grande do Norte.


A única vez que vi esse animal foi com um criador legalizado que estava com ele no santuário ecológico em Pipa,Tibau do sul, no Rio Grande do Norte. Foi essa foto(2ªfoto) feita com uma câmera analógica comum,em que ele estar de costa. Entretanto já vi muitas pegadas desses animais as margens da lagoa de coca cola na RPPN Mata da Estrela,em Baía Formosa e no município de Luíz Gomes.

INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE O GUAXINIM(Procyon cancrivorus):
Popularmente conhecido como guaxinim ou mão pelada,a espécie Procyon cancrivorus alcança 1m de comprimento contando com a cauda que mede em média 40cm. A pelagem do corpo é espessa,cinza amarelada,salpicada de preto. A cara é bem escura e o contorno da boca ,e uma faixa banca em cima dos olhos,dão ao animal o aspecto de estar usando uma máscara. São encontrados em todo Brasil. Habitam perto de rios,brejos e manguezais. Nadam muito bem. Passam o dia escondidos em cima de árvores e saem à noite parar caçar. Se alimentam de crustáceos,peixes,rãs,insetos,frutas e pequenas aves. É comum lavarem os alimentos antes de comer,costume que os filhotes aprendem desde cedo. As fêmeas podem ter de 2 a 4 filhotes por vez.
CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:
REINO:Animalia
FILO:Chordata
CLASSE:Mammalia
ORDEM:Carnívora
FAMÍLIA:Procynodae
GÊNERO:Procyon
ESPÉCIE:Procyon cancrivorus (Cuvier,1798).

BIBLIOGRAFIA:
REIS, dos R. R.; PERACCHI, A. L.; PEDRO, W. A.; LIMA, de I. P. Mamíferos do Brasil – Londrina, 2006. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...