NOSSA PÁGINA

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Moréia Myrichthys ocellatus (Lesuer, 1825); Fauna do RN

Foto: Adam Carvalho.
 Peixe ósseo conhecido popularmente como Moréia,Murucutuca Ocelada,Mutuca,Moriango ou Mututuca, mas recebeu o nome científico de Myrichthys ocellatus. Essa espécie pertence a família Ophichthidae. A Moréia possui o corpo cilíndrico bastante alongado, o que o torna parecido com uma serpente. não apresentam nadadeiras ventrais e peitorais. Possuem o dorso com coloração variando do bege ao amarelo-claro com manchas arredondadas marrom-escuro ou mesmo negras espalhadas por toda a extensão do corpo, ventre esbranquiçado. Medem de 50cm a 1,20 m de comprimento. É encontrada em águas rasas, mas podem ocorrer em águas profundas também. Vivem em fundos coralinos e rochosos, onde ficam entocadas e costumam atacar principalmente peixes, polvos e crustáceos que se circulam nesse ambiente, alimentando-se desses. 
Foto: athilapeixe.com 
  São animais cujo manuseio é bastante perigoso, pois sua mordida, embora não seja venenosa, costuma ser dolorida, dilacerante, e com grande probabilidade de infecção, por conta de bactérias presentes na boca do animal, decorrentes de restos de sua alimentação. A carne desse peixe é bastante apreciada na culinária. Mergulhadores e curiosos que por azar "tomarem um bote" de uma moréia devem ficar atentos pois o animal costuma prender-se à toca, e no susto, as pessoas costumam puxar o membro mordido, o que torna a ferida ainda mais extensa. Deve-se segurar o corpo do animal e tentar puxá-lo, sair da água com o mesmo, assim é mais fácil soltar o animal sem danos maiores. sua distribuição se estende desde o Atlântico Ocidental, das Bermudas a Santa Catarina, incluindo as ilhas oceânicas brasileiras.

REFERÊNCIAS:
Freire,Adauberto Antônio Valera. Fauna Potiguar. Natal:EDUFRN,1997.
Sampaio,Cláudio Luis Santos & Nottingham,Mara Carvalho. Guia para Identificação de Peixes Ornamentais-Volume I: Espécies Marinhas. Brasília:Ibama,2008. 205 p.
Disponível em:  www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/.../moreia.htm  Acesso em:14/01/11.
Crédito das fotos:
Foto de Adam Carvalho. Disponível em: http://www.flickr.com/photos/sickilla/35411281 Acesso em:14/01/11.
 Disponível em:  http://www.brasilreef.com/viewtopic.php?f=34&t=16269 Acesso em:14/01/11.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário:

  1. ja pesquei muitas no anzol, e pensava que fossem muito venenosas; sempre as solto, tentando causar o minimo de dano ao bicho, embora nao seja nada facil, porque ela se enrosca toda na linha e se brincar leva uma mordida.
    em suma prefiro nao pescar esse bicho.

    ResponderExcluir